24.8 C
Porto
Domingo, Abril 14, 2024

Presidente da República está chocado com os dois milhões de pobres em Portugal

"Neste dia de outubro, uma mensagem persiste e repete-se todos os anos: a de que quase dois milhões de portugueses são pobres, sendo essa uma realidade com a qual não nos podemos conformar", escreveu o Marcelo Rebelo de Sousa no site da presidência.

As mais lidas

No dia em que se comemora o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa não quis deixar passar despercebido que em Portugal existem cerca de dois milhões de pobres. Muitos deles a viver em situação muito precária. E a tendência é para que a pobreza aumente aumente ainda mais.

“Neste dia de outubro, uma mensagem persiste e repete-se todos os anos: a de que quase dois milhões de portugueses são pobres, sendo essa uma realidade com a qual não nos podemos conformar”, escreveu o Marcelo Rebelo de Sousa no site da presidência.

“Assinalando os passos positivos na identificação das suas causas, no diagnóstico dos problemas, e até no avanço de uma Estratégia Nacional de Combate à Pobreza, publicada em 2021, com ambição de se concretizar até 2030; convém recordar de que são necessárias mais do que medidas ou apoios avulsos que, sem a devida monitorização e avaliação, nunca se constituirão como estratégicos, esclarece o Presidente da República.

E como as realidades têm sido adversas, “É, pois, importante, que esta data sirva para reforçar o alerta face às novas realidades que têm agravado as condições de pobreza, exigindo novas abordagens e modelos de ação para o seu combate”.

“Só assim se poderá equacionar a retirada de 660 mil pessoas da situação de pobreza, reduzindo para metade da taxa de pobreza nas crianças e entre trabalhadores, objetivo traçado e que todos desejamos alcançar”, sublinhou Marcelo Rebelo de Sousa.

- Publicidade -spot_img

Mais artigos

- Publicidade -spot_img

Artigos mais recentes

- Publicidade -spot_img