10.7 C
Porto
Quinta-feira, Maio 23, 2024

Delete Friends!

As mais lidas

Com o nosso computador, quinzenal ou mensalmente, é prudente e ajuizado, realizarmos uma limpeza, ou seja “deletar” os textos, fotos ou vídeos que já não são usados, e assim criarmos mais espaço disponível, para futuras inserções.

Nunca considerei que de igual modo, poderia usar o mesmo método com os amigos…
Aletradei muito nestes últimos meses. Coloquei à provação alguns dos amigos que já vivenciava há mais de trinta anos e a resposta foi manifestamente adventícia e inopinada, mas pela negativa…Há muitos anos, quando acompanhava Luís Cília nos seus recitais, aprendi muito musicalmente e humanamente. Um dia o Luís disse: Os portugueses têm a memória curta…

E foram necessários passarem mais de quarenta anos, para esta frase tomar sentido! Na verdade os dezasseis anos em que fui gerente do B Flat Jazz Club, onde dei trabalho a muitos músicos, e ofereci bebidas a tantos amigos, se dissipou …Os bilhetes que dadivei a uns e agraciei a outros tantos amigos no Coliseu do Porto, ficaram na deslembrança e no desmemoriamento…Os músicos portugueses que emprazei para os festivais de jazz e blues, ficaram no “nin”.

E quando eu precisei de uma palavra amiga, nem isso recebi…Bastava aquela simples frase: – António, neste momento também estou mal de finanças e não te posso ajudar, uma simples frase, mas infelizmente, nem isso tive… Outros amigos, foram muito descorteses e displicentes na forma, local e público que escolheram para manifestarem o seu desagrado em relação ao meu trabalho musical.

Há certos assuntos que devemos apenas glosar em privado, pois poderemos magoar, ao expo-lo para o público em geral.
E então comecei a “deletar” esses amigos e ainda foram algumas dezenas…

Depois, virei-me para o facebook e só de uma assentada, foram cento e setenta! Pessoas que não conheço de lado nenhum, apenas com um amigo, ou nenhum em comum, delete!!!…

Nem imaginam a sensação de aligamento e de levidão que senti, ao efetuar esta operação. De início, confesso, não foi desintrincado…Ainda estamos adstritos a conceitos e padrões comportamentais mais primevos e pregressos, mas depois, sentimo-nos extremamente fortúnios e até parece que nos tiraram um peso de cima…
Experimentem!
Passar de quarenta e oito amigos, aqueles que consideramos há muitos anos, os nossos melhores amigos, para cinco, é obra!!!


- Publicidade -spot_img

Mais artigos

- Publicidade -spot_img

Artigos mais recentes

- Publicidade -spot_img